+1 não tem impacto direto no rankeamento do Google

Por ,
em

+1 não tem impacto direto sobre rankings de pesquisa  Matt Cutts – chefe de pesquisa de Spam do Google – afirmou novamente que dados do “+1” do Google não têm impacto direto em seu algoritmo de classificação de pesquisa na web.

Cutts afirma que correlação é mera casualidade e esclarece essa relação que existe entre o “+1” e o web rankings do Google, alegando que, se alguém gera um conteúdo interessante, as pessoas irão dar um curtir, compartilhá-lo no Facebook, no +1, etc; mas que isso não significa que o Google irá utilizar esses sinais no ranking. Ele ainda aconselha que, ao invés de perder tempo “perseguindo” o +1s, é muito melhor que as pessoas criem grandes conteúdos e de bastante qualidade.

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento