10 coisas que clientes odeiam em lojas virtuais

Por ,
em

10 coisas que clientes odeiam em lojas virtuais

1. Sua loja está lenta

Há diversos estudos que relacionam velocidade de carregamento e taxa de conversão de um site. 1 segundo a menos no tempo de carregamento das páginas, para a Amazon, maior e-commerce do mundo, pode significar perda de mais de um bilhão de dólares em receita. Na Internet, os usuários querem tudo rápido.

2. Sua loja não é encontrada no Google

O Google é o principal site de busca no mundo, isso todo mundo sabe. Mesmo conhecendo sua loja, os usuários querem encontrar a sua loja no Google e ficam decepcionados quando pesquisam um produto ou, pior, sua marca e não encontram nada ou apenas seu concorrente.

3. Poucas opções de atendimento ruim

Se o consumidor chegar a uma loja física, vai falar com o vendedor ou um atendente de maneira rápida e estará satisfeito. Em uma loja virtual, as coisas funcionam da mesma maneira. É muito incômodo não encontrar um e-mail ou número de telefone facilmente, ou mesmo, entrar no chat online e perceber que precisa esperar o atendimento a 100 outras pessoas!

4. Fotos ruins

Em uma loja física, o usuário pode tocar o produto ou até mesmo vesti-lo. Em uma loja virtual, embora a experiência de uso não possa ser a mesma de uma loja física, tem que usar a criatividade para transmitir ao cliente a qualidade do produto. Fotos ruins colocam para correr visitantes que querem conhecer melhor seus produtos!

5. Redes sociais desatualizadas

Muitos diretores dizem que redes sociais não vendem. De fato, elas podem não gerar vendas diretas, mas geram relacionamento e aumentam a confiança em lojas virtuais. Por isso, é fundamental contar com uma rede social empolgante e bem alimentada.

6. Você só manda propaganda por e-mail

A lista de disparo de sua loja virtual pode até ser opt-in, porém se você só envia promoção para seu cliente vai acabar tornando-o frustrado com a sua empresa. Usuários querem se relacionar com a sua empresa, e não serem alvos de SPAM. Por isso, mande propaganda mas divida e equilibre os e-mails promocionais com os de conteúdo relevante. Você verá como seus clientes se engajarão muito mais com a sua marca!

7. Produtos fora de estoque

O visitante chega em seu site atraído pela oferta de um produto, doido para comprar e aí… o produto acabou! Não poder fazer aquilo o que queria irá produzir uma sensação negativa no seu consumidor, que provavelmente ficará ressabido em voltar mais uma vez à sua loja e deparar com a terrível mensagem “Fora de estoque”. Invista sempre em estoque quando promover qualquer produto.

8. Sites confusos

Praticamente todas as lojas virtuais são confusas e seguem um modelo padrão. Modelos-padrão são ruins porque cada loja é diferente, cada público-alvo é diferente. Invista em ter um design atraente e invista sobretudo em usabilidade, para identificar como seu site pode ser mais fácil de navegar.

9. Produtos com descrição padrão

As descrições de produtos do fabricante são excessivamente técnicas e pouquíssimo interessantes. Ou o que é pior: são as mesmas usadas pelo seu concorrente. Lojas que investem em descrições exclusiva têm duas grandes vantagens: os usuários amam e o robô do Google ainda mais, porque irá privilegiar sua página nos resultados de busca.

10. Ausência de Promoção ou Preço Justo

Não adianta… todo mundo adora uma promoção!

Para atrair consumidores para uma primeira compra ou ainda uma recompra, vale sempre a pena dar algum desconto. Não é necessário que seja o maior desconto do mundo, mas o visitante precisa da percepção de que está fazendo um bom negócio. Por isso, é sempre importante ter boas ofertas em sua loja.

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento