Definição de campo semântico e o impacto em SEO

Por ,
em

Definição de campo semântico e o impacto em SEOOs motores de busca atuais na web estão a cada dia melhorando seus parâmetros de análise com o intuito de oferecer o melhor conteúdo de forma direcionada aos usuários.
Atualmente são usados sofisticadas formas de medir se uma página na web relaciona-se com determinada consulta.

A função de um motor de busca é colocada em ação mediante uma consulta de pesquisa de uma palavra-chave onde se calcula a relevância que mede a similaridade entre a consulta e o documento.

Ficou complicado? Vamos simplificar…

Basicamente o motor de busca encontra as similaridades entre o “termo pesquisado” e o “documento” que possui principalmente conteúdo em texto relacionado através de palavras-chave.

O resultado da pesquisa deve mostrar documentos que possuem relação com o campo semântico das palavras pesquisadas.

Mas o que é campo semântico?

Semântica em poucas palavras resume-se no estudo do significado (do grego sēmantiká – derivado de sema, sinal), ou seja, a representação através de palavras, frases, símbolos ou sinais sobre algo, ou então aquilo que denota sobre algo.

Já o campo semântico define-se pelo conjunto de palavras unidas pelo mesmo sentido, ou seja, palavras com o mesmo principio semântico.
Para a palavra “sapato” podemos atribuir em seu campo semântico às palavras: Sapataria, Sapateiro, Sapateado, Sapateadores, sapatos pretos, sapatos femininos, pedras no sapato, e assim por diante.
campo semântico

A palavra-chave

Como bem sabemos, a importância da palavra-chave para SEO é determinante para classificação do conteúdo de uma página.
A partir de sua palavra-chave que será determinado o campo semântico que se enquadra o seu conteúdo. A partir dela que serão calculadas as similaridades com as pesquisas feitas nos motores de busca.
Como vimos em segredos de SEO, devemos explorar para cada página, uma única palavra-chave que definirá o que chamamos de Head Tail Keyword.

Podemos definir que a palavra “Sapato”, representa o “Head Tail”, ou seja, o trafego oriundo desta pesquisa representará cerca de 20% do trafego, todavia, a grande massa de pesquisas, possuem maiores especificidades.

Para o nosso exemplo, podemos receber visitas para a pesquisa “Sapatos Femininos”, explorando o campo semântico da palavra.
Desta forma encontramos maiores possibilidades de apresentar conteúdos de forma direcionada, atingindo a necessidade do visitante.

A profundidade de conteúdo ao invés de muito conteúdo em um único nível

Apos explorar o campo semântico de uma palavra-chave, chegamos ao seguinte questionamento:

É mais interessantes ter muito conteúdo para uma única página otimizada, ou muitas páginas com profundidade de conteúdo explorando diversas palavras-chave dentro do mesmo campo semântico, dado que exploremos uma palavra-chave para cada página?

Podemos afirmar que, muito conteúdo dividido entre diversas páginas, com conteúdo focado nas palavras-chave dentro de um campo semântico, é melhor para um website, pois fornecemos demasiada informação com maior abrangência para termos buscados que possuem similaridades com o seu conteúdo.

Vejamos um exemplo:
Para a pesquisa “Sapato”, temos o resultado dos melhores ranqueados, desconsiderando os links patrocinados, o Google destaca com negrito, todas as palavras similares à pesquisa.

palavras-chave

Já os sites com melhor rankeamento também exibem a palavra-chave em seu Título de página (title), título de conteúdo (H1) e no corpo de texto (<p>).

rankeamento também exibem a palavra-chave

Resultado da pesquisa por “Sapato”.
Já a pesquisa que explora o campo semântico como, por exemplo, a frase-chave “Sapato feminino” exibe outro resultado na SERP, pois temos agora uma pesquisa mais específica que explora melhor o campo semântico da palavra “Sapato”.

Perceba que o websites que exploram páginas específicas para palavras-chave abrangentes dentro do campo semântico possuem melhor rankeamento dado sua exploração em todos os elementos onpage.

Devemos compreender os objetivos do Google para estabelecer quais campos semânticos trabalhar, dado que o objetivo é “Organizar todo o conhecimento mundial”, apresentando de forma mais abrangente seus conteúdos, ou seja, quanto mais qualidade, quantidade e profundidade do seu conteúdo, maior relevância você receberá.

Outro fator de importância de reunir o conhecimento mundial é a qualidade de ser especialista em assuntos.

O Google da preferência para sites que exibem conteúdo específico a determinados assuntos e o quanto mais conteúdo de qualidade um site exibe, maiores são as possibilidades de receber melhores rankeamentos.
Outro fator que determina o bom rankemento é qualidade e a profundidade do conteúdo de um site.
Segundo nosso exemplo websites que possuem informações sobre sapatos estão bem ranqueado, já os site que possuem informações sobre sapato e sapato feminino possuem melhor rankeamento sobre os exemplos citados como a Wikipédia, que não aparece no resultado da busca.
SERP Sapatos Femininos

Conclusão

O impacto no SEO é latente para sites que abordam a maior fatia possível de seus campos semânticos.

Aperfeiçoe suas páginas explorando uma palavra por página, com muitas páginas explorando palavras dentro do mesmo campo.

Certamente seu website será visto com bons olhos pelo Google.

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento