Quais são os melhores relatórios para seu site no Google Analytics

Por ,
em

Quais são as melhores métricas para seu site no Google AnalyticsO Google Analytics é uma ótima ferramenta para analisar o comportamento dos usuários e se o seu site atinge os objetivos que levaram você a cria-lo.

Através de diferentes métricas fornecidas pelo GA, como as pessoas popularmente chamam o Google Analytics, você consegue observar se a estratégia de marketing digital da sua empresa está sendo efetiva.

Existem diferentes métricas que podem ser usadas para cada tipo de site, sendo que podemos separá-los em: Sites Institucionais, Blogs, Sites de Portais e E-Commerce.

Tentarei mostrar como você pode utilizar este serviço para obter as informações mais relevantes sobre seu site, de acordo com os diferentes tipos de site.

Tipos de métricas do Google Analytics

Iremos abordar as métricas mais relevantes para os tipos de sites citados acima. Cada tipo de site possui seu objetivo e também cada um possui metas de conversões diferentes. Trabalhando com as métricas do Google Analytics fica mais fácil de compreender, analisar e desenvolver estratégias para o melhoramento do SEO do site.

Quantidade de visitas

A quantidade de visitas para um site é um fator muito importante, pois mostra que seu site possui conteúdos relevantes para certos assuntos, aumentando a relevância para o SEO.

Para blogs e portais, esta informação pode ser muito boa para agregar valor ao seu mídia kit, assim, seus espaços para propaganda tornam-se valorosos e disputados. Lembrando que seu site deve ter um foco em um tema e público alvo.

Taxa de rejeição

A taxa de rejeição é uma simples porcentagem que relaciona a página que o usuário entrou no seu site e se houve ou não alguma interação com esta página. Para explicar melhor, supondo que 100 pessoas entraram na página home do seu site e 45 pessoas saíram do site sem clicar em nada, sua taxa de rejeição será de 45%.

O que analisar com esta taxa?

Caso sua taxa for grande, pode significar que aquela página possui alguns erros, tais como: layout que dificulta a usabilidade, conteúdo que não atende às expectativas do público que foi destinado, por exemplo, os links patrocinados ou palavras-chave otimizados trazem pessoas que estão procurando por outro tipo de conteúdo. A taxa de rejeição tem uma estreita relação com a taxa de conversão, porque se a primeira página que o usuário visita no seu site não consegue fazer com que ele continue navegando, provavelmente o usuário também sai do site antes de converter (fazer aquilo que você deseja no site como realizar compras, preencher formulário, etc).

Assim, você pode melhorar seu site ou as páginas específicas com altas taxas de rejeição para que diminua a taxa de rejeição e consequentemente aumente a taxa de conversão.

Número de conversões

As conversões significam que os objetivos DO SITE estão sendo atingidos. Para cada tipo de site existem diferentes tipos de conversões que devem ser considerados.

Os tipos de conversões são:

Preenchimento de formulário/ cadastro – mostra que os leitores se interessaram pelo seu site, assunto, conteúdo e querem obter notícias sobre novidades, receber e-mails, promoções, etc.
Tempo no site – o tempo no site pode mostrar que as pessoas estão lendo as informações contidas na página, assim, sendo relevante para SEO.
Número de páginas visitadas – a quantidade de páginas visitadas pode inferir que os conteúdos são bem relacionados e relevantes, assim, o Google pode analisar que seu site é “especialista” em tal assunto, e melhorar seu posicionamento nesse campo semântico.
Cliques em botões específicos – de vez em quando, o objetivo do seu site é levar os leitores para uma página bem específica, assim, criam como objetivo o clique em um link ou botão.
Cliques em banners de anúncios – normalmente usados em portais e blogs, estes cliques são suas remunerações, estes sites vendem espaços para propagandas, e estes espaços podem ser vendidos por CPC (Custo por Clique), com esta conversão, os donos dos sites sabem o quanto que os anunciantes pagam no final do mês. Outra modalidade de banner é o de pagamento de mensalidade, ao invés de custo variável com CPC
Compras de produtos – utilizados em e-commerce, a compra de produto é a conversão que mostra quais são os produtos da sua empresa mais vendidos através da internet, e também mostra a sua receita gerada pelas vendas.

Para configurar as suas conversões leia o post de como configurar metas no Analytics.

Custo por Aquisição (CPA)

O custo por aquisição é a relação entre seu investimento em marketing digital e a receita obtida. Você pode obter informações nesta página.

Métricas para Sites Institucionais

Normalmente os sites institucionais servem para pessoas jurídicas e pessoas físicas divulgarem seus serviços e/ou produtos através do compartilhamento de informações relevantes para seus públicos alvos. O objetivo geral do site da empresa é atrair novos consumidores e manter os antigos, assim, uma conversão importante é o preenchimento do formulário, que será fundamental no contato com o cliente.

As métricas do Google Analytics que podemos utilizar são:

– Quantidade de visitas recebidas
– Taxa de rejeição
– Número de conversões:
Preenchimento de formulários/ cadastros;
Tempo no site;
Número de páginas visitadas;
Clique em botões específicos.

Um exemplo de relatório padrão do Google Analytics com as métricas importantes para analisar a eficácia do seu site é o Relatório de Tráfego de Pesquisa Orgânica, para acessá-la, entre na seção “Fontes de Tráfego”, depois em Pesquisa Orgânica, na barra de menu da esquerda.

trafego de pesquisa organica - 01

 Por fim, clique em “Conjunto de metas 1”.

trafego de pesquisa organica - 01

 Você obterá o relatório de Tráfego de Pesquisa Orgânica, que poderá analisar a efetividade do seu site, de acordo com suas metas

 

trafego de pesquisa organica - 01

Para observar quais páginas são mais efetivos, ou seja, que convertem mais, selecionamos como dimensão principal “Página de destino”.

relatorio padrao - site institucional

Métricas para Portais e Blogs

Os portais e blogs são sites que divulgam notícias, dicas, fofocas, etc. Sua fonte de renda ocorre por vendas de espaços para propaganda para outras empresas que buscam ganhar visibilidade para nichos de mercado correspondente ao conteúdo dos portais. Assim, este tipo de site possui alguns objetivos importantes para conseguir agregar valor nos seus espaços para propaganda.

Os donos destes sites muitas vezes criam um mídia kit que mostra aos possíveis anunciantes informações relevantes sobre seu site, agregando valor aos seus espaços de propaganda. As informações podem ser: quantidade de visitas, gêneros, público alvo, tema, tempo médio de visita, etc.

As métricas do Google Analytics que podemos utilizar são:

– Quantidade de visitas recebida

– Taxa de rejeição

– Número de conversões:

Preenchimento de formulários/ cadastros;
Tempo no site;
Número de páginas visitadas;
Clique em botões específicos;
Quantidade de cliques em anúncios.

Com o relatório de Páginas de Destino, você pode observar quais são as landing pages que dão mais retorno e visitas, assim, observando qual(is) páginas são mais valorizadas. Para acessar este relatório, vá em “Conteúdo”, depois em “Páginas de Destino”.

Páginas de destino - 01

Depois, clique em “Conjunto de metas 1”

Páginas de destino - 02

 relatorio pagina de destino - blog

Outra forma é monitorar os cliques em botões do site, isso é feito através da configuração do monitoramento de eventos no Google Analytics e a configuração de metas de eventos. É possível atribuir na configuração de eventos um valor determinado para cada clique em um banner, por exemplo, R$1,50.

 Visão geral dos eventos

Métricas para e-commerce

As lojas virtuais são sites para vender produtos e/ ou serviços, ou seja, o principal objetivo deste site é a conversão “compras de produtos”, todo o site é desenvolvido para fazer com que os usuários do site comprem seus produtos.

As métricas do Google Analytics que podemos utilizar são:

– Quantidade de visitas recebidas
– Taxa de rejeição
– Número de conversões:

Preenchimento de formulários/ cadastros;
Tempo no site;
Número de páginas visitadas;
Clique em botões específicos;
Compras de produtos;
Custo por aquisição (CPA).

Um bom exemplo de relatório para e-commerce oferece informações sobre quais landing pages geram mais receita. Assim, você pode otimizar as melhores páginas para aumentar o seu lucro. Para acessá-lo, vá no menu da esquerda, clique em “Conteúdo” e depois em “Páginas de destino”.

Páginas de destino - 01

E depois clique em “Comércio eletrônico”.

Página de destino - ecommerce

 

E para saber a origem do tráfego que mais gera vendas.

Página de destino - ecommerce - landingpage

Informações importantes

O Google Analytics também oferece outros tipos de informações que ajudarão a desenvolver suas estratégias de marketing digital e como dispor seu investimento nesta área. Um dado muito importante é você saber quais canais estão sendo mais efetivos para conversões, ou seja, como os usuários chegam ao seu site, podendo ser por:

– Tráfego direto
– SEO (Busca orgânica)
– Adwords (Anúncio pago da Google)
– Referência
– Campanhas (e-mail marketing, divulgação em banners, etc)
– Redes sociais

 

É isso aí pessoal, agora boa análise para todos!

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento