SEO de Performance – Por que SEO sem Conversão é perda de tempo

Por ,
em

SEO de PerformanceÉ verdade que SEO é algo fantástico que pode ajudar muitas empresas e instituições a se tornarem mais conhecidas, alcançarem novos mercados e chegarem a novos clientes, mas isso tudo não acontece se a estratégia de SEO é feita pensando apenas em link building, tags e robôs. O que interessa para as pessoas, para as empresas e para o Google é a Conversão. Vamos aprofundar no por quê.

Muita gente pensa que sabe o que é SEO, mas a verdade é diferente

SEO não é um fim último, isolado das outras estratégias de marketing da empresa. Do mesmo modo que os departamentos financeiro, a produção, e o comercial formam um conjunto, assim também o SEO com as outras estratégias de marketing online e offline, bem como a navegação do usuário dentro do site formam um todo indivisível.

As atualizações do Google são ótimas, porque tornam os resultados das buscas melhores para os usuários e diminuem as posições dos sites que fazem SEO pensando no robô do Google ao invés de pensar no que é bom para as pessoas que acessam o site. É duro para os clientes contratarem pessoas que não fazem a coisa certa.

O que é SEO de Performance

SEO de Performance é uma estratégia de SEO que considera todos os aspectos da experiência de navegação do usuário, desde aparecer nas primeiras posições do Google, a entrada do usuário no site até a conclusão da conversão.

Conversão é quando o usuário realiza a ação desejada pelo dono do site, e de acordo com o negócio da empresa as ações podem ser as mais variadas: venda em um e-commerce, formulários preenchidos, minutos em uma página (que indicam que a pessoa leu o artigo),  download de PDF, clicar no botão “play” de um vídeo, etc.

SEO de Performance consiste em trazer pessoas para o site, mas não qualquer pessoa: ele é focado em trazer pessoas que vão consumir os produtos, serviços e conteúdo que o site oferece.

E não para por aí, é necessário fazer com que essas pessoas, depois de entrarem no site, de fato consumam os produtos, serviços e conteúdo da sua empresa.

A navegação dentro do site, a facilidade do usuário achar aquilo que procura no site também é um critério determinante para o bom posicionamento no buscador, como falamos no post de Page Layout.

O SEO de Performance leva tudo isso em consideração.

Como fazer SEO de Performance

Além de analisar fatores On-Page e Off-Page, algumas perguntas básicas para que precisam ser feitas são:

1 – Qual é a finalidade do meu site?

2 – Conheço bem o meu público-alvo?

3 – O que ofereço de único que o meu público-alvo não vai encontrar em outro lugar?

4 – Construo o site pensando no público-alvo e comunicando o diferencial da empresa?

5 – Quais são as conversões desejadas?

6 – Facilito a conclusão da conversão?

7 – Faço medição do desempenho e implemento melhorias de forma sistemática?

Essas perguntas devem orientar a estratégia de SEO. Afinal de contas, SEO de Perfomance é SEO na era Penguin e preparado para as próximas atualizações.

Quem não leva isso em consideração, ou está fazendo o trabalho de forma errada ou está aproveitando muito menos do que poderia o potencial do seu trabalho.

Abaixo o vídeo de Maile Ohye, que trabalha com Webmaster Tools e Search Quality no Google, falando sobre os erros mais comuns em SEO.

Se você acha que pode pensar em SEO sem pensar em conversão, por que será que a Tech Lead do Google focou em “conversão” e “converter” em um vídeo sobre SEO?

Só para finalizar, deixo aqui uma recapitulação dos erros de SEO que a Maile comentou e que ficam para vocês refletirem:

Não ter um propósito: Qual valor diferencia o seu site de todos os outros sites no seu segmento? Você explora esse valor? É por causa dele que as pessoas vão voltar no seu site e compartilhar o que encontra nele?

Agir de forma fragmentada: Você trata todas as ações em conjunto? Desde motivar uma pessoa a entrar no site até o momento que conclui a conversão?

Perder tempo: Você se concentra em criar conteúdo relevante na sua área ou perde tempo querendo um robô para cadastrar seu site em 100 fóruns por dia?

Ficar parado em velhas práticas de SEO: Não adianta você saber o que funcionava em SEO há 10 anos atrás, ou há cinco anos atrás. O que importa é você saber o que acontece hoje. Para quem quer ir além, é necessário entender a lógica do Google para você conseguir prever o que vão implementar amanhã.

Processos internos lentos que não acompanham a evolução do SEO: A Metodologia Ágil é utilizada dentro do Google e recomendada para adaptar-se rapidamente as novas demandas e evolução do mercado:

1 – Definir métricas de sucesso

2 – Implementar melhorias

3 – Medir o impacto

4 – Criar novas melhorias

5 – Priorizar melhorias baseadas no mercado e na sua equipe

Repetir o processo.

Um abraço e até a próxima!

 

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento