Marketing de Conteúdo: 15 Dicas para Otimização de Performance

Conversion

Por ,
em

O marketing de conteúdo é uma das estratégias mais usadas por empresas no mundo todo.

Ele ajuda a dar mais alcance para sua marca, melhora o processo de compra e de percepção de valor.

Empresas que têm um bom processo de marketing de conteúdo geram 3 vezes mais leads, custando 62% a menos do que estratégias tradicionais, segundo a Demand Metric.

Neste guia completo produzido pela Conversion, consultoria de marketing e SEO, apresentaremos 15 estratégias de marketing de conteúdo que podem ser usadas em sua empresa.

Além disso, você irá aprender a planejar e criar uma marca que se baseia no conteúdo para atrair novos clientes.

Tópicos do conteúdo

  1. O que é Marketing de Conteúdo e Como ele Ajuda as Empresas a Terem Mais Clientes?
  2. Como produzir conteúdo relevante, estratégico e que vai trazer mais leads e clientes
  3. 15 Dicas para Otimização de Performance em estratégias de marketing de conteúdo

O que é Marketing de Conteúdo e como ele ajuda as empresas a terem mais clientes?

Para entender melhor, imagine você navegando pelas redes sociais, sem muita pretensão de algo.

Você passa o olho por uma publicação que te interessou e acaba sendo direcionado para um link.

De repente, você está no blog dessa empresa, lendo um artigo sobre um tema digital que te interessa e relacionado ao que a empresa que divulgou o link oferece.

Você começa a se interessar pela solução e continua suas pesquisas, se aprofundando no assunto.

Em dado momento, você decide comprar a solução e fecha com a empresa que te disponibilizou conteúdo para entender melhor do que se tratava.

Isso é marketing de conteúdo!

É produzir conteúdo relevante que atraia a atenção das pessoas, gere interesse e esclareça as dúvidas.

Tudo isso para que, no final desse processo, o cliente tenha o desejo de comprar ou entre em contato com sua empresa.

Como produzir conteúdo relevante, estratégico e que vai trazer mais leads e clientes

A internet, desde seu surgimento, sempre foi uma excelente ferramenta para atrair a atenção dos clientes.

E hoje se tornou a maior vitrine do mundo.

Hoje, temos diversas formas de produzir conteúdo na internet.

Pode ser através de textos para blogs, redes sociais ou canais de vídeo, etc.

Estas formas são essenciais para a elaboração das estratégias e cada uma destas etapas precisa ser pensada antes de iniciar qualquer projeto.

São elas:

  • Planejamento;
  • Criação de uma persona;
  • Produção do conteúdo;
  • Divulgação do conteúdo;
  • Análise de resultados.

1) Planejamento estratégico

O planejamento precisa ser bem feito e deixar muito claro quais são os objetivos da empresa.

É nesse período que tudo que seja executado deve ser decidido.

Todas as ações, os responsáveis por cada tarefa na hora da execução e todas as variáveis possíveis devem ser bem definidas.

2) Persona, quem comprará seu produto?

Esta é uma das etapas mais importantes e precisa ser bem específica.

Claro que queremos vender para qualquer tipo de pessoa. Mas cada produto tem potenciais clientes específicos.

Chamamos esses “clientes específicos” de Persona.

3) Produzindo conteúdo persuasivo

É nesta etapa que criamos textos, imagens, artigos para blogs, posts para redes sociais, e-books, e-mails marketing, enfim, tudo o que for útil para o público-alvo.

É importante lembrar que a persona sempre deve caminhar junto com a produção do conteúdo.

Cada conteúdo tem uma forma diferente de atrair. Então, temos personas diferentes em conteúdos diferentes para vender o mesmo produto.

Agências de marketing de conteúdo ajudam nessa etapa.

4) Atraindo o público-alvo

É quando planejamos em quais canais iremos distribuir nosso conteúdo.

Sua empresa não precisa estar em todas as redes sociais para vender, por exemplo.

Cada produto tem seu público-alvo e nem todas as redes sociais oferecem a forma exata para mostrar seu produto.

5) Analise e recomece o processo

Hora de verificar seus resultados.

Eles vão apresentar os dados necessários para saber se as ações de marketing de conteúdo estão trazendo retorno à empresa.

É uma etapa muito importante.

15 dicas de marketing de conteúdo para usar em sua empresa

Depois de conhecer as etapas básicas do marketing de conteúdo, fica mais fácil de entender que uma estratégia bem feita potencializa o sucesso das suas ações.

Aprenda agora 15 dicas de marketing de conteúdo para aumento de performance:

1) Funil de vendas ajuda na atração de leads qualificados para a equipe comercial

Um funil de vendas funciona com um processo parecido ao de uma peneira.

Consiste em três etapas bem definidas e trabalhamos com os conceitos de Atração, Interesse, Desejo e Ação (AIDA).

De forma simples e objetiva, entenda:

1º Etapa: Topo do funil

Ele basicamente é o lado maior, onde atraímos o maior número de possíveis clientes através das ações de marketing de conteúdo que abordamos no início deste artigo.

Nesta etapa, a pessoa foi atraída por algum assunto que lhe gerou interesse.

Pode ser uma informação, curiosidade e assuntos mais amplos que esse possível cliente possa procurar, mas ainda não tem certeza se irá comprar.

2º Etapa: Meio do funil

Após a descoberta, vem o meio do funil, que serve para esclarecer e gerar interesse sobre o assunto, produto ou marca.

É quando o cliente tem a consciência de que o assunto abordado ou o produto é relevante para ele.

E segue consumindo esse conteúdo até que, definitivamente, se encante por ele, criando uma sensação de desejo por esse produto.

3º Etapa: Fundo do funil

Quando esse possível cliente chega na fase de desejar o conteúdo que está consumindo, esse cliente está “aquecido”.

Nesta fase, já está claro o interesse em comprar o produto. Então, é hora de vender.

Persuasão é a palavra neste momento. Mostre que a sua empresa é a melhor opção.

2) Crie conteúdo de acordo com o momento do cliente

Um erro muito cometido no marketing de conteúdo para empresas é falar somente sobre o produto.

Pode ser que com certos produtos isso até pode ser bom, mas existe a estratégia de conteúdo contextualizado, que pode ser bem interessante.

Falar sobre todo universo da sua empresa muitas vezes é muito mais interessante para produzir o conteúdo do que só falar do seu produto.

É fundamental pensar como o cliente. Imagine que nem todas as pessoas conhecem seu produto e já vão pesquisar direto sobre ele.

Muitas vezes, as pessoas encontram o produto que tanto desejam através de conteúdo contextualizado, pois nem sabem ao certo qual é o produto que pode suprir a sua necessidade.

3) Tenha conteúdo específico para as redes sociais

Ao produzir conteúdo para as redes sociais, construímos um relacionamento com o espectador.

É uma ótima oportunidade para conversar com o seu público-alvo.

Entender que cada rede social conversa de uma forma diferente com o público é importante para ter mais engajamento.

E algumas dicas são essenciais para o conteúdo ser de qualidade.

4) Conteúdo de rede social tem que ter objetivos claros

Se temos a possibilidade de utilizar imagens, precisamos dar mais atenção a isso.

Postagens com texto muitas vezes não tem a mesma quantidade de curtidas do que as com imagens contextuais.

É muito mais fácil entender alguma coisa visualmente do que lendo.

Em redes sociais, é fundamental trabalhar com objetivos muito claros para o conteúdo.

Ou ele deve gerar engajamento, ou aumento do alcance da marca, ou tráfego.

5) Aposte em diferentes formatos para impactar de diferentes formas

Existe a possibilidade de divulgar o conteúdo de diversas formas. E pode-se apostar em formatos diferentes para isso.

Marketing de conteúdo não é só postar no Facebook ou Instagram.

Outros meios que utilizam a escrita como forma de atração podem ser usados.

Por exemplo:

  • E-mail marketing;
  • E-books;
  • Infográficos;
  • Artigos para blogs ou sites;
  • Vídeos;
  • Podcasts;
  • Animações.

Todos esses formatos podem ser usados, basta adequá-los ao público correto.

6) Responda dúvidas em seu marketing de conteúdo e gere valor para o leitor

Conteúdo informativo e que esclarece dúvidas é uma estratégia muito interessante, principalmente para estágios iniciais do funil de vendas.

Geralmente, o assunto abordado nesse tipo de conteúdo é bem amplo e se torna uma atração para que a pessoa procure saber mais.

Isso a encaminha para uma possível conversão.

Responder dúvidas é importante para o fortalecimento da marca. Quando esclarecemos algo estamos gerando conteúdo de valor.

Dessa forma, a marca se torna referência e se aproxima mais do cliente.

7) Crie um conteúdo com boa legibilidade (para o Google e para seus clientes)

Criar sites mais legíveis para os usuários é um dos segredos mais interessantes para atrair maior número de visitantes.

A legibilidade é um processo de SEO que otimiza seu texto para que o Google leia de forma mais eficaz.

São analisados os números de palavras que contêm os parágrafos e quantos subtítulos tem em nosso texto, entre outros dados.

E todas essas otimizações passam informação em HTML, para facilitar a leitura feita pelos bots do Google.

Saiba alguns dos erros que não podemos cometer na produção de conteúdo para web:

  • Parágrafos com muitas palavras;
  • Grande número de palavras corridas sem quebras por subtítulos;
  • Pouca utilização de artigos de ligação no texto.

Poucas pessoas conhecem essa otimização, que é muito benéfica para a qualidade do conteúdo.

8) Marketing de conteúdo focado na dor da Persona traz mais impacto

Pode até ser tentador compartilhar aquele vídeo engraçado nas redes sociais.

Ou, então, publicar coisas fora de seu segmento e que não agregam nada à marca.

Mas isso não interessa à sua persona.

Ou, pior ainda, não vai fazer ela conhecer sua marca, sua solução ou produto.

O conteúdo precisa ser focado nas dores da sua persona, no que realmente vai gerar valor para ela.

Acredite: nem toda empresa pode ser “viral” nas redes sociais.

Criar valor, através de um conteúdo claro e bem estruturado, é o que fará a empresa ter sucesso.

9) Conteúdo que gera engajamento nas redes sociais e aproxima sua empresa de seus clientes

Se sua marca é B2C, isso é ainda mais relevante.

É necessário produzir conteúdo para as redes sociais que vá diretamente na dor da sua persona.

Poucas ferramentas são tão boas para atrair novos leads do que as redes sociais.

Mas, para isso, você precisa de engajamento, de entrega de valor.

As pessoas precisam olhar sua marca com empatia.

Isso envolve ter conteúdo de valor, mas também entender a dor da persona e falar sobre ela.

Mostrar que a persona não está sozinha e que mais gente tem aquela dor.

Isso gera empatia e melhora o engajamento. E adivinhe só? O marketing de conteúdo faz isso!

10) Para a captura de leads, ofereça muito valor através de conteúdo

Leads são, antes de tudo, pessoas procurando uma solução. Se você oferecer conteúdo de valor, a conversão irá acontecer.

Naturalmente, há muitas formas de otimizar isso. Porém, na base de tudo, está o conteúdo de valor.

Um e-book que ajuda a resolver um problema, um webinário que apresenta uma solução ou um artigo no blog que seja muito completo vai te ajudar a ter mais leads.

11) Invista em SEO, ele é um dos motores do marketing de conteúdo

O Google é, hoje, nosso oráculo. Praticamente todas as dúvidas que temos são pesquisadas lá.

E adivinha só: isso traz muitas oportunidades de negócio!

Se a sua empresa tem uma estratégia de SEO atrelada ao seu marketing de conteúdo, ela atrai pessoas com um problema que você pode resolver.

Simples assim.

Não dar o devido valor ao SEO é um erro de muitas empresas.

Ele, em médio e longo prazo, se mostra uma estratégia absurdamente barata quando comparada ao retorno que proporciona.

Se você atrelar o SEO ao marketing de conteúdo terá uma jornada de compras muito mais bem estruturada.

12) Crie vídeos com legendas para as redes sociais para ter mais visualizações

Os vídeos são ferramentas poderosas. Nas redes sociais, eles se transformam em uma excelente estratégia.

Mas, para que eles atinjam seu potencial máximo, devem ser consumidos na íntegra. Para isso, as legendas são fundamentais.

Além de melhorar o consumo do conteúdo, você ainda oferece mais possibilidades de visualização e engajamento.

Assistir vídeos com legenda melhora a experiência do usuário. Melhora também a absorção do conteúdo.

13) Crie um calendário editorial e, de preferência, sequencial para sua estratégia de marketing de conteúdo

Muitas vezes, as empresas não conseguem ter sucesso no marketing de conteúdo por falta de constância.

Não basta criar conteúdo em um momento e logo parar. Isso não irá auxiliar as pessoas e elas irão buscar outras soluções.

Para que isso não aconteça, tenha um calendário editorial. Além disso, se esse calendário editorial for sequencial, o resultado é ainda melhor.

As pessoas conseguirão ver em seu conteúdo o valor que necessitam. E informação sequencial, em questão de dificuldade, impacta e é absorvida melhor.

14) Tenha voz própria e transforme sua marca

Muita gente produz conteúdo. Muitas empresas fazem. Mas quantas são realmente lembradas? Poucas, não é?

Isso acontece porque elas não têm voz própria. Copiam coisas prontas. As pessoas precisam ler seu conteúdo e enxergar sua empresa.

Para isso, você precisa de uma linha de comunicação própria. Seja na forma de escrever, seja no conteúdo de muito valor, seja na forma como distribui ele.

Mas, acredite, fazendo o que todos fazem será difícil se destacar.

15) Marketing de Conteúdo é uma estratégia de médio a longo prazo. Constância é fundamental!

Um erro muito comum é acreditar que o marketing de conteúdo trará resultados rápidos.

Ele até pode melhorar suas vendas e te trazer mais leads no início, mas é no médio e longo prazo que ele mostra seu poder.

Empresas que investem em marketing de conteúdo por mais tempo colhem muitos frutos.

A lógica é simples. Você precisa começar a gerar valor para sua audiência.

Precisa gerar empatia nas pessoas. E isso não acontece da noite para o dia.

As pessoas precisam enxergar no seu conteúdo o valor que ele possui. Muitas vezes, isso leva alguns meses.

Existem formas de acelerar o processo, mas marketing de conteúdo sempre será uma estratégia em médio e longo prazo.

Como aplicar o marketing de conteúdo em minha empresa o mais rápido possível?

Esse é, sem sombra de dúvidas, o questionamento mais comum. Se você ainda não tem nada em termos de marketing de conteúdo, comece pelo básico.

Faça um planejamento de conteúdos, crie seu blog e compartilhe os materiais nas redes sociais.

Mas tenha foco para conseguir executar esse planejamento.

Muitas empresas iniciam campanhas de marketing de conteúdo, mas não as levam adiante.

Dessa forma, elas acabam não tendo sucesso e achando que o problema é a estratégia.

Acredite, não é. Quem se mantém firme em sua estratégia de marketing de conteúdo alcança ótimos resultados.

Crie uma estratégia de longo prazo. Conteúdo não são 100 metros rasos, são uma maratona.

Tem sucesso quem persiste nele.

Nós da Conversion, consultoria de marketing e SEO, também podemos ajudar você.

Mas o primordial, a espinha dorsal do marketing de conteúdo, deve ser sempre ajudar as pessoas.

Dica final

Foque em todo o contexto da dor de sua persona. Falar apenas do universo que sua solução está inserida pode ser limitante.

Fale de tudo mais que pode ajudar a sua persona e que tem relação com sua solução. Conteúdo é uma conversa sua com um cliente em potencial. E, convenhamos, é chato conversar com quem fala só de um assunto.

Ainda não vá embora!

Você percebeu que falamos muito sobre leads neste artigo, não é? Nós preparamos um material completo sobre lead, que vai te ensinar tudo, desde o conceito até a geração e como torná-los seus clientes.

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento