logo

Google Maps lança recursos para aumentar a segurança de quem precisa circular durante a pandemia

9/06/2020
3 min de leitura

Na última segunda-feira (08), o Google anunciou uma série de novos recursos e atualizações de serviços já existententes que serão implementados no Google Maps.

Estes recursos têm como objetivo aumentar a segurança das pessoas que precisam circular pela cidade durante a pandemia.

As informações disponibilizadas na plataforma serão direcionadas tanto para quem precisa se locomover em carros privados, quanto para quem utiliza transporte público.

Países de abrangência e avisos importantes

Para quem possui automóvel, o Google Maps agora mostrará avisos caso o trajeto passe por alguma área que está sofrendo restrições graças à quarentena.

As informações serão extraídas de departamentos de trânsitos locais e mostrarão, por exemplo, lugares onde o uso de máscara é obrigatório e regiões de circulação limitada por lotação ou horário.

Essas informações de trânsito serão lançadas primeiro nos seguintes países: Argentina, Austrália, Bélgica, Brasil, Colômbia, França, Índia, México, Holanda, Espanha, Tailândia, Reino Unido e EUA.

Para os países que estão restringindo a travessia de fronteiras nacionais e entrada em pequenas cidades, alertas também serão enviados. Os primeiros países a receberem esses avisões serão México, Canadá e EUA.

Para os usuários que precisam se transportar para hospitais, centros de testes ou instalações médicas, o aplicativo exibirá, além de informações de trajeto e horário de funcionamento, uma lista de lembretes, como por exemplo o de telefonar para o centro antes de ir até ele.

Isso ajudará a não sobrecarregar desnecessariamente o sistema de saúde e esses alertas estarão disponíveis, primeiro, para Israel, Filipinas, Coréia do Sul e EUA.

A publicação de lançamento dos novos recursos deixa claro que todas as informações concedidas pelo Google Maps virão de fontes oficiais e departamentos municipais, estaduais e federais.

Caso algum órgão oficial esteja interessado em trabalhar em conjunto com o Google para ajudar a disseminar cada vez mais informações úteis para a população, basta acessar este link.

O Google informa, também, que os países que ainda não têm acesso a determinadas informações, as receberão nas próximas semanas.

Trabalhando para diminuir aglomerações no transporte público

Sustentado por informações cedidas por usuários de forma voluntária, o Maps informa, desde o ano passado, a lotação de determinadas linhas de ônibus e metrô.

A informação era concedida quando o aplicativo perguntava ao usuário sobre a lotação do transporte que ele acabara de usar, mas agora ficou ainda mais fácil colaborar: basta acessar as Informações de Trânsito, na rota gerada, e selecionar a opção de lotação que mais se enquadra à realidade do transporte.

google maps

Outras informações agora disponíveis no mundo todo são sobre: assentos, vagões reservados para mulheres, temperatura no transporte, portas, e acessibilidade para pessoas com necessidades especiais.

Para planejar viagens com mais segurança e conforto, agora também será possível ver em quais horários as linhas tendem a ter mais passageiros.

google maps

Ramesh Nagarajan, diretor de gerenciamento de produtos do Google Maps e responsável pelo post de anúncio das novas ferramentas, reforça o compromisso do Google com informações de qualidade.

“À medida que cidades e países ao redor do mundo se ajustam à nova realidade, o Google Maps tem o compromisso de colocar as informações mais importantes e úteis na palma da sua mão, para que você se sinta seguro, quando for permitido, para sair de casa.”

E aí, o que achou das novas funções do Google Maps? Conte para a gente!

Escrito por

Bruna Rodrigues

SEO

é redatora especializada em marketing digital, SEO e link building. Já trabalhou em empresas como Ituran, BTG Pactual, Grupo Nova Concursos e é responsável pelas notícias de marketing no Conversion News.

Receba o melhor conteúdo de marketing em seu e-mail

Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado

Conteúdos relacionados

"Tudo deveria se tornar o mais simples possível, mas não simplificado."

Albert Einstein