logo

Instagram passa a distribuir anúncios no IGTV e expande monetização

28/05/2020
2 min de leitura

Instagram passa a distribuir anúncios no IGTV e criadores ganham mais oportunidades de monetização

O Instagram anunciou, na última quarta-feira (26), que a partir da próxima semana começará a exibir anúncios também no IGTV, seu espaço dentro da rede social para vídeos longos.

A iniciativa é esperada desde fevereiro deste ano, quando o Instagram confirmou seus planos de monetizar esse tipo de conteúdo, mas não deu informações mais aprofundadas sobre o tema.

A divisão de lucros sobre os IGTV ads, como são chamados, acontecerá, segundo Justin Osofsky, COO do Instagram, de acordo com os padrões da indústria: 55% da arrecadação será destinada aos criadores.

O sistema é muito semelhante ao adotado pelo Facebook Watch, onde, hoje, criadores de conteúdo dos mais diversos nichos distribuem anúncios em seus vídeos e recebem essa mesma proporção sobre o montante arrecadado com a publicidade.

IGTV ads entram em testes

Os primeiros testes serão feitos com cerca de 200 criadores selecionados nos EUA. As primeiras marcas escolhidas para anunciar foram Ikea, Puma e Sephora.

Por enquanto, os anúncios só serão exibidos quando o vídeo for acessado a partir de sua prévia no feed do perfil.

Segundo a publicação oficial de lançamento do recurso no blog do Instagram, uma série de testes ainda serão feitos ao longo do ano:

“Os anúncios de vídeo serão desenvolvidos para dispositivos mobile e terão duração de, no máximo, 15 segundos. Testaremos várias experiências no IGTV ao longo do ano, como por exemplo a possibilidade de pular um anúncio, para garantir que o resultado final funcione bem para usuários, criadores e anunciantes.”

Para ser elegível ao recebimento dos anúncios, porém, o conteúdo publicado terá que seguir uma série de critérios determinados pelo Instagram, como por exemplo não conter palavrões. Osofsky confirmou, inclusive, que todos os vídeos da plataforma serão avaliador por um time de humanos antes de efetivamente serem monetizados.

O Instagram não anunciou quando o recurso estará disponível para outros países, mas espera-se que Brasil, Alemanha e França sejam os próximos a recebê-lo.

Crachás para Lives

Outra ação anunciada pela rede social, cujo o objetivo também é aumentar as possibilidades de monetização para criadores de conteúdo e influenciadores digitais, é a compra de crachás virtuais.

Segundo descrição feita no blog do Instagram, os crachás estarão disponíveis para compras durante transmissões ao vivo e custarão entre US$ 0,99 e US$ 4,99.

Com eles, o usuário ganha destaque na sessão de comentários das Lives, além de um ícone especial de coração ao lado do seu username. O criador de conteúdo terá acesso a uma lista de seguidores que compraram um crachá e poderá, por exemplo, interagir de maneira personalizada ou criar outros benefícios a seu critério.

O que você tem achado das novidades que o Instagram está criando? Conte para a gente!

Escrito por

Bruna Rodrigues

SEO

é redatora especializada em marketing digital, SEO e link building. Já trabalhou em empresas como Ituran, BTG Pactual, Grupo Nova Concursos e é responsável pelas notícias de marketing no Conversion News.

Receba o melhor conteúdo de marketing em seu e-mail

Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado

Conteúdos relacionados

"Tudo deveria se tornar o mais simples possível, mas não simplificado."

Albert Einstein