Pesquisa Black Friday no Brasil 2023: dados, crescimento e principais sites e categorias de produtos

Thaís Yumi
Thaís Yumi

Entrevistamos 400 brasileiros conectados à internet para saber quais são as expectativas do consumidor para a Black Friday 2023, que ocorre na última sexta-feira de novembro (24/11); este ano evento crescerá 9% em relação a 2022

À medida que a Black Friday de 2023 se aproxima, as expectativas sugerem um aumento no faturamento em comparação ao ano passado. Segundo dados da Conversion, 90,5% dos entrevistados manifestaram a intenção de realizar compras nesta edição do evento varejista. Este número representa um crescimento de 9% em relação à parcela de participantes que afirmaram ter efetuado compras na edição de 2022.

83,3% dos respondentes realizaram compras na Black Friday em 2022, enquanto a pretensão de compra é de 90,5% em 2023. Número cresce em relação ao ano anterior em 9%. O aumento gera confiança e expectativas ao mercado.

Celulares perdem posto de produtos mais desejados: Eletrônicos e Eletrodomésticos são o preferido por 15,7% dos consumidores

A categoria de Eletrônicos e Eletrodomésticos teve um aumento aproximado de 10% na intenção de compra dos consumidores. Enquanto os celulares, categoria mais votada na pesquisa de 2022, aponta uma diminuição na busca, com uma queda de 7,7%.

O medo de fraudes

76% dos entrevistados alegaram ter medo de fraudes nesta Black Friday, número que não variou tanto em relação a 2022, quando 75,1% dos usuários relataram medo.

Os consumidores podem se deparar com falsos descontos, lojas não confiáveis, roubo de dados e outros problemas.

Perfil dos consumidores

Pesquisa de preços

72,1% dos consumidores optam por acompanhar preços com um mês ou mais de antecedência.

Empresas que se preparam e fazem uma comunicação assertiva com seu público sobre as ofertas tendem a se destacar em datas como essa. Apenas 6,1% das pessoas acompanham preços somente no dia do evento. Não deixe os 93,9% escapar!

Motivação do consumidor

Não poderia ser diferente: mais da metade dos respondentes (55,1%) está esperando descontos para a data.

A busca por preços mais baixos destaca ainda mais a importância de uma precificação competitiva. Essa é a oportunidade de atrair novos clientes e fidelizar ainda mais quem já comprou do seu site.

Dominação do E-commerce

72,3% dos consumidores dizem preferir meios digitais para compras na Black Friday.

40,7% dos consumidores irão optar por sites/lojas virtuais, 25% por compras em aplicativos e 6,6% pretendem realizá-las via redes sociais. As lojas físicas tiveram 26% das respostas, mostrando uma preferência pela comodidade e economia de tempo.

Cada vez mais, se mostra importante a presença online das marcas e o bom posicionamento nos mecanismos de buscas.

Ticket Médio

Cada vez mais, se mostra importante a presença online das marcas e o bom posicionamento nos mecanismos de buscas.

O que faz o consumidor desistir da compra

Preço e frete podem ser o maior inimigo de um e-commerce nessa Black Friday. 33,4% levam isso em consideração na hora de fechar o carrinho.

15,9% dos respondentes revelaram a importância de um produto de qualidade e uma área de avaliação, onde outros consumidores podem ter prova social do produto ou serviço.

Ticket médio na Black Friday

50% dos consumidores pretendem gastar acima de R$ 1 mil nesta Black Friday, dado esse que corrobora com a intenção de compra de Eletrônicos e Eletrodomésticos. Em relação a 2022, pessoas com renda acima de R$ 5 mil tendem a gastar 24,3% a mais em compras acima de R$ 3 mil.

Velocidade na entrega

45,5% dos consumidores esperam que suas compras cheguem em até 1 semana.

Quase metade dos entrevistaram alegaram que aceitam o prazo de até 1 semana para a entrega de compras online. 

Entender e atender essa demanda por entregas mais rápidas pode ser um fator-chave para aumentar a satisfação do cliente.

O que faz o cliente levar o carrinho

Cresce em 50% a importância da avaliação de clientes.

Ao questionar sobre quais aspectos são mais importantes na decisão de onde comprar, é possível observar um crescimento de 50% na opção “Ter avaliações de produtos” quando comparada ao ano anterior. Em 2022, a opção foi marcada por 6,27 dos respondentes, enquanto nesta edição, 9,4% disseram se importar com esse quesito. Uma área aberta, onde clientes podem comentar e dar feedbacks sobre o produto/serviço, é crucial ao negócio.

“Preço do produto” foi a opção com mais votos, ficando com 14,3% das escolhas.

E-commerces mais citados

Destronando Americanas, Shein torna-se o e-commerce preferido para esta Black Friday.

O e-commerce mais mencionado pelos respondentes foi a Shein, com 19,1% de citações. Em seguida, a Amazon, um dos maiores e-commerces do mundo, é citado por 17,9% dos respondentes.

O Mercado Livre aparece em terceiro lugar (16,5%), seguido da Magazine Luiza (15,2%) e Americanas (10,8%).

Desconto mais atrativos

76% dos consumidores esperam descontos de pelo menos 30%.

Descontos acima de pelo menos 30% prometem chamar atenção de 76% dos consumidores nessa Black Friday. Descontos abaixo dessa faixa contam com 24% dos votos pelos respondentes.

Meio de pagamento mais escolhido

Pix tem aumento de 54,4% de pretensão de uso nesta Black Friday. Lançado em 2020, o Pix consta com mais de 662 milhões de chaves cadastradas e 3,8 bilhões de transações no mês de setembro deste ano (Bacen). No mesmo mês do ano passado, haviam 511 milhões de chaves e foram feitas 2,2 bilhões de transações.

A crescente do meio de pagamento pode explicar o aumento de 54,4% na pretensão de uso.

O cartão de crédito continua como o meio mais utilizado. Porém, o mesmo tem uma queda de 1,3% de respostas quando comparado a 2022.

Canais mais usados por consumidores

Marcas preferidas e mecanismos de busca: os principais canais para descobrir as melhores ofertas.

As duas opções mais escolhidas pelos respondentes estão ligadas ao branding das marcas, onde conseguem chamar a atenção e reter usuários.

A pesquisa no Google vem logo em seguida, com 14,7% dos votos, revelando a importância de estar bem posicionado nos motores de busca. 

Natal influencia Black Friday 2023

83,5% dos consumidores pretendem comprar presentes de Natal nessa Black Friday

Com o cenário econômico desafiador, especialmente para os mais pobres, 83,5% dos consumidores pretendem comprar presentes de Natal nessa Black Friday. Esse número expressivo demonstra a expectativa dos brasileiros em relação aos preços atraentes e uma boa experiência de compra.

Metodologia

Metodologia

A pesquisa realizada pela Conversion foi conduzida no dia 17 de outubro de 2023 com 400 brasileiros conectados à internet. Destes, 45,3% são homens e 54,7% mulheres. Faixa de idade: 16 e +54. A margem de erro é de 5% e o nível de confiança é 95%.

Baixe em PDF

Para ter acesso a um documento em PDF com todos os dados do nosso estudo, acesse aqui: https://lp.conversion.com.br/estudo-black-friday

Escrito por Thaís Yumi

Escrito por Thaís Yumi

Escrito por Thaís Yumi

Escrito por Thaís Yumi

Compartilhe este conteúdo
Compartilhe
Receba o melhor conteúdo de SEO & Marketing em seu e-mail.
Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado
Agende uma reunião e conte seus objetivos
Nossos consultores irão mostrar como levar sua estratégia digital ao próximo nível.
>