Seguindo tendência global, Conversion estende Home Office até existir vacina contra COVID-19 e anuncia série de benefícios para colaboradores

Thiago Nassa
Thiago Nassa

Com 60 colaboradores, agência de performance anuncia novo benefício para melhorar infraestrutura de trabalho à distância, bem como dará apoio psicológico e manterá contratações de novos profissionais

Home Office: mulher com notebook e cachorro

A Conversion, uma das principais agências de marketing digital do Brasil, seguindo uma tendência global decidiu estender o Home Office até existir uma vacina contra o coronavírus ou qualquer outro tratamento que mude o cenário

“A decisão foi tomada considerando que o número de novos casos se mantém estável e que este é o movimento das empresas mais inovadoras do mundo”, afirma Diego Ivo, CEO da Conversion. “Desde o início da pandemia, nos posicionamos com prudência e entendemos que, agora, o mais coerente é pensar em voltar só a partir do momento em que haja segurança”, comenta.

 A agência destaca, além disso, que não reduziu salários nem desligou nenhum colaborador por conta do COVID-19 e que aumentará investimentos para um trabalho remoto ainda mais eficiente, focados no desenvolvimento e cuidado com os seus 60 colaboradores.  “É um momento de olhar para o longo prazo e não medimos esforços para manter nosso time, bem como desenvolver as pessoas”, diz Carolina Kuroda, Chief Operating Officer (COO).

Para fortalecer a atuação em equipe e os resultados de clientes, a Conversion tem investido em mais ferramentas de comunicação, metodologias de trabalho e uma série de medidas que irão beneficiar os colaboradores. “Temos recebido muitos feedbacks dos colaboradores, que dizem se sentir cuidados com as iniciativas e o posicionamento da empresa. Os resultados do negócio já têm aparecido e inúmeras contas da agência bateram recordes de vendas nos últimos meses”, aponta Ivo.

Novo benefício e cuidados com o psicológico

Pesquisa inédita da Conversion, realizada pela Internet com 400 brasileiros, com nível de confiança de 95% e margem de erro de 5%, aponta que 73% da população afirmam ter tido algum tipo de problema de ordem emocional ou psicológica durante a pandemia. E só 4% relataram não ter nenhuma dificuldade na infraestrutura de trabalho remoto.

Assim, a Conversion acaba de anunciar um novo benefício: o Vale Home Office, que será permanente e servirá para custear a infraestrutura de trabalho em casa. “Queremos que todos possam ter uma boa infraestrutura de trabalho”, afirma Thelma Tardivo, Head of People & Culture na agência. “Na retomada das atividades presenciais, devemos voltar de forma híbrida, com Home Office e trabalho no escritório”, complementa Thelma.

Outro tema que está no centro das discussões da agência é como a empresa pode oferecer apoio psicológico ao time em um momento de isolamento social. A partir do próximo mês, a Conversion passará a oferecer palestras regulares sobre saúde mental e grupos de apoio com o tema. Para colaboradores que eventualmente precisem de intervenção terapêutica, a agência poderá custear, durante o período de isolamento social, o atendimento conforme políticas internas. 

“Estamos construindo uma plataforma com pessoas incríveis e esse tipo de apoio é fundamental”, diz Carolina Kuroda, que é sócia-diretora da Conversion. A agência também dará um voucher para os colaboradores investirem em seu local de trabalho. “Cada um tem uma necessidade diferente”, afirma Carolina.

Trabalho completamente remoto

No mês de agosto, a Conversion contratou a sua primeira colaboradora para trabalhar completamente remoto e ela fará parte do time de Mídia de Performance, Renata Mengelberg, que será responsável por estratégias de publicidade em plataformas como Google, Facebook e programática.

“Eu já tinha visto algumas matérias desse movimento acontecendo no exterior mas eu não tinha visto ainda acontecer por aqui e ainda mais comigo. Eu acho a iniciativa incrível, super alinhada com a tendência do mercado, tanto aqui no Brasil quanto lá fora. É uma grande oportunidade de criar uma ponte entre o que um colaborador espera de uma empresa e o que essa empresa espera do funcionário, sem que barreiras físicas sejam um problema”, comenta Renata.

A iniciativa está sendo tratada como um projeto piloto e contemplará as vagas em aberto para analistas de SEO e Mídia de Performance. “Caso dê certo – e acreditamos que dará muito certo –  teremos no futuro colaboradores em todo o Brasil “, afirma Sara Lopes, Business Partner da Conversion.

É possível se candidatar na seguinte página: https://www.conversion.com.br/trabalhe-conosco/

Nova sede para novos tempos

Diante do atual cenário, a Conversion passará a ter uma base temporária na Av. Paulista. “No momento, será apenas o nosso endereço comercial, porque na prática trabalharemos de casa”, comenta Ivo. “Mas havendo segurança e com a reabertura gradual poderemos ir estendendo nossas posições de trabalho, sempre colocando a saúde e a segurança em primeiro lugar”, afirma o executivo.

A partir do próximo ano, quando deve chegar a vacina para o novo coronavírus, a Conversion irá investir em uma sede completamente nova e preparada para o chamado novo normal. “Queremos que nossa futura sede seja não só um local de trabalho, mas um espaço de convivência e criatividade”, comenta Sara Lopes.

A Conversion diz, ainda, que pretende revisitar semestralmente esse posicionamento, sempre valorizando a prudência, o crescimento sustentável e a saúde de seu time. “Nós acreditamos em pessoas e fazemos o nosso melhor para elas”, afirma o CEO da agência. “Pessoas cuidadas entregam mais performance”, conclui Ivo.

Escrito por Thiago Nassa

Escrito por Thiago Nassa

Escrito por Thiago Nassa

Escrito por Thiago Nassa

Compartilhe este conteúdo
Compartilhe
Receba o melhor conteúdo de SEO & Marketing em seu e-mail.
Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado
Agende uma reunião e conte seus objetivos
Nossos consultores irão mostrar como levar sua estratégia digital ao próximo nível.
>