Meta tags: saiba o que são, para o que servem e como impactam os sites

Mariana Pessoa
Mariana Pessoa

Meta tags são elementos utilizados em documentos HTML que fornecem metadados das páginas da Web. 

Dentro do mundo de SEO, o que mais se ouve falar é em meta. Afinal, o seu uso é indispensável na construção de sites em HTML, e se você dúvida disso, basta dar um “inspecionar” em qualquer página por aí.

Por isso, no artigo de hoje vamos falar sobre o que são as meta tags, o nível de importância para os mecanismos de busca e o que você, como SEO, precisa saber sobre elas.

O que são meta tags? 

As meta tags são elementos usados para fornecer alguma informação em um documento HTML. A tag é a <meta> e, dentro dela, devem conter os comandos de cada informação que você quer que contenha na página.

Além disso, as meta tags devem estar na seção principal da página, ou seja, na <head>, por conta da importância das informações que carregam sobre um site ou página. Veja a aparência das meta tags na imagem abaixo:

Demonstração de como as meta tags são inseridas na<head>

Vale sinalizar que as meta tags não são úteis apenas para os mecanismos de busca. Elas também são utilizadas pelos navegadores (Chrome, Mozilla, Safari, Opera, etc) e por outros serviços da Web.

Qual a importância das meta tags para SEO?

As meta tags são fatores importantes para SEO, principalmente quando falamos de SEO Técnico. No entanto, com a popularidade dos CMS — como WordPress, Wix e Blogger —, profissionais de SEO não precisam saber programar em HTML.

Antigamente, quando existiam as meta keywords, elas tinham uma importância maior em relação ao ranqueamento em si. Mas no dias atuais, tem mais valor na construção de sites e páginas.

De toda forma, saber o que são meta tags e conhecer as principais utilizadas no dia a dia de trabalho é indispensável. E o motivo é simples: nem sempre teremos uma pessoa desenvolvedora para nos apoiar em tarefas simples, como conferir o código de uma página.

Imagine que, do nada, o título SEO de um blogpost sumiu. No plugin do WordPress está tudo bem, o próximo passo é inspecionar o código da página e, assim, descobrir se a meta tag de descrição, a meta description, está no código. Se não tiver, aí você abra um ticket para a equipe de tecnologia.

Quais são os tipos de meta tags existentes hoje em SEO? 

Existem muitas meta tags, por isso, iremos tratar aqui apenas das que possuem valor para SEO. Confira abaixo quais são e como funcionam:

Tittle

O title, como o próprio nome já fiz, é o título da página. Também é conhecido como meta title ou título de SEO. Ou seja, é o título que aparece na SERP do Google. No entanto, ele não é uma meta tag, e sim um elemento diferente:

Title da página representado no código html.

Meta description 

A meta description, ou meta descrição, é a meta tag que disponibiliza ao GOogle um texto curto sobre o conteúdo de uma página Essa descrição pode ser visualizada na SERP logo abaixo do título SEO. 

Veja como é no código:

Meta description representado no código html.

Meta robots

A meta robots é um elemento utilizado para indicar aos mecanismos de busca como uma página deve ser rastreada e indexada. É diferente do robots.txt, pois enquanto o primeiro é utilizado para seções ou sites inteiros, a meta robots pode ser usada para dar diretrizes a uma única página.

No exemplo abaixo, retirado do texto sobre o Guide to Google Search ranking system, a meta robots indica que a página deve ser indexada, seguida e como o Gooblebot pode exibir o conteúdo na SERP.

Meta robots descrita no código html da página.

Meta keywords

A meta keywords, já em desuso, era utilizada para fornecer mais informação e contexto aos mecanismos de busca oferecendo a palavra-chave daquela página. No entanto, há mais de uma década essa meta tag já não é mais utilizada — e também não é um fator de ranqueamento.

Não acredita em mim? Então confere o vídeo do Google, publicado há 13 anos, sobre o assunto:

Quais são os atributos das meta tags? 

As meta tags também possuem atributos que disponibilizam informações importantes para os sites. Vem conhecer:

Charset

O atributo charset especifica a codificação de caracteres utilizada na página. Por exemplo, em Português nós utilizamos o cedilha (ç), mas em outros idiomas não. Por isso, no charset usamos o UFT-8, que cobre a maior parte dos caracteres e símbolos dispoíveis no mundo (e no teclado).

O HTML5 também encoraja e indica o uso  do UFT-8 a todos os desenvolvedores de sites.

Meta charset especificando a codificação de caracteres utilizada na página: UTF-8.

http-equiv

O http-equiv fornece informações ou valores do atributo content. 

Meta tag http-equiv especificado no html da página fornecendo informações ou valores do atributo content.

content

O content, por outro lado, é um atributo que fornece o valor associado ao http-equiv e ao name.

name

O name é o atributo que especifica um nome ao elemento HTML. Abaixo, eu trouxe um exemplo de como o atributo name e content se complementam.

Meta tag name name descrito no código html da página.

Quais as principais ferramentas para criar uma meta tag? 

Para criar meta tags você deve dominar o básico de HTML e conhecer os principais atributos para criação de uma página da Web. No entanto, como o mundo de hoje é cheio de facilitações, esta não é uma tarefa difícil.

Com um CMS como o WordPress, basta escolher um template e pronto, o HTML estará lá já com as devidas atribuições. Instalando plugins como Yoast ou RankMath, por outro lado, você pode criar meta tags como title SEO e meta description, além de alterar as diretrizes da meta robots daquela determinada página.

E caso o seu desejo seja alterar o HTML no código fonte da página ou site, há plugins que facilitam este acesso também. Mas vai por mim, se não domina do assunto, o melhor é acionar a equipe de tecnologia.

Conclusão

As meta tags, apesar de pouco conhecidas por este nome, possuem um papel fundamental na construção de sites e páginas da Web. É justamente através delas que os mecanismos de busca conseguem entender certas informações, assim como permite que os navegadores possam mostrar visualmente para nós, seres humanos.

Porém, enquanto profissional de SEO, nosso papel é entendê-las e saber como verificar (o famoso “inspecionar”) se elas estão aplicadas corretamente. Em caso de erros ou problemas que não possam ser resolvidos com pouco esforço, o indicado é sempre procurar a pessoa responsável pelo desenvolvimento do site.

Se quiser explorar e entender ainda mais sobre o assunto, recomendo a leitura dos seguintes artigos:

Escrito por Mariana Pessoa

Escrito por Mariana Pessoa

Mariana é estrategista de SEO e apaixonada por Marketing Digital. É também produtora de conteúdo no LinkedIn e escritora de ficção nas horas vagas.

Escrito por Mariana Pessoa

Escrito por Mariana Pessoa

Mariana é estrategista de SEO e apaixonada por Marketing Digital. É também produtora de conteúdo no LinkedIn e escritora de ficção nas horas vagas.

Compartilhe este conteúdo
Compartilhe
Receba o melhor conteúdo de SEO & Marketing em seu e-mail.
Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado
Agende uma reunião e conte seus objetivos
Nossos consultores irão mostrar como levar sua estratégia digital ao próximo nível.
>