A verdade do Link building: como, afinal, conseguir links?

Por ,
em

Como conseguir links?Estou recebendo uma enxurrada de e-mails de pessoas que estão se cadastrando no Curso de SEO da Conversion e uma dúvida muito recorrente é: como, afinal de contas, conseguir links para desenvolver uma boa estratégia de SEO. Consideraremos, portanto, um módulo mais complexo para tratar do assunto, que continua sendo a dúvida número 1 dos profissionais de SEO, mesmo os mais experientes.

De fato, link building é uma das partes mais difíceis e complexas de uma estratégia de SEO. Quem souber fazê-lo irá sair na frente, e muito. Neste artigo, irei passar o que mais se tem feito no moderno SEO e, claro, quebrarei alguns mitos sobre Link Building.

Listas de sites para conseguir links

Esqueça todas as listas prontas.

Vez e outra me pedem uma “lista de sites para conseguir links.” Elas simplesmente não existem, meu caro. Sério. Se existissem, todo mundo as utilizaria e, todo o mundo as utilizando, perderiam o efeito. Link bom é link raro, é link único.

Listas já existiram muito tempo mas são coisa do passado tenebroso de SEO. Antigamente sim existiam listas de sites, e principalmente de diretórios, para se conseguir links. O Google removeu totalmente a eficácia deles em updates como o Panda e aperfeiçoou isso no recente Penguin.

Mas se você quiser mesmo uma lista de sites para conseguir links, aí vão: G1, UOL, iG, etc. Mas, mais do que esses portais, escolha canais relacionados ao seu site. Há, entretanto, um único site que você deveria tentar conseguir um link independente do projeto, o Dmoz.org, que é o maior e mais relevante diretório de sites. É fácil aparecer lá? Não.

Links devem vir de páginas e/ou sites com o contexto semântico próximo do seu. Sim, devem falar do mesmo assunto…

A lista de links você montará com sites desejáveis, e em seguida deverá encontrar maneiras de obter um link. É assim.

Link building, sim, é difícil

Existem maneiras fáceis de conseguir links, como cadastrar-se em diretórios gratuitos, comprando links ou participando de esquemas obscuros de links. Já descobri até mesmo pessoas que descobrem falhas em sites .gov.br e neles inserem, maliciosamente, links para as suas páginas e muitas vezes com keyword na âncora.

Eu confesso que às vezes dá vontade de entrar em um esquema desses, mas aí a voz da experiência diz: caia fora dos links fáceis, no futuro vão ruir! Principalmente nesses últimos, pode ser que o Google nunca descubra tratar-se de SPAM, mas ainda assim eu não recomendo nem faço, porque além de ser criminoso (invadir site do Estado!), é no mínimo estranho obter visitas desses links.

Como conseguir links de forma ética? Penando, ora bolas. Eu mostrarei direções, não caminhos. Assim você poderá caminhar com as próprias pernas.

Há 2 formas de conseguir links

Há duas maneiras de se conquistar links de qualidade, uma é natural e espontânea e a outra depende de “prospecção”, isto é, correr atrás de pessoas e proprietários de sites que poderiam fazer um link para seu site acontecer. Em ambos os casos, será muito difícil alguém linkar um site ou conteúdo ruins.

Portanto, o passo 1 do link building é ter conteúdo de qualidade. Isso é inalienável, assim como não há água seca.  As pessoas, ao meu ver, querem ignorar esse fato e procuram uma fórmula mágica. Repito: não se consegue link de qualidade sem bom conteúdo, sem relevância e reputação.

Para entender um pouco mais a importância de conteúdo, veja o artigo Link Building e bom conteúdo: 10 dicas, de Gustavo Mariano.

1. Links naturais e a importância do conteúdo

Se você for uma marca amada, como Apple, Coca-Cola ou Google, você não precisará fazer o menor esforço para conseguir links, porque empresas como essas têm reputação. As pessoas linkam diretamente a sua página inicial porque gostam, e você deveria trabalhar para isso. Mas isso nem sempre é factível, sejamos francos.

Por isso, manter um blog ou seção de artigos, como se vê, é essencial para conseguir links naturais por meio da qualidade. Isso mesmo: você deveria focar em oferecer um conteúdo único, com um ponto de vista único ou, então, artigos polêmicos para que muitas pessoas respondam, fazendo um link.

Mas você não deveria publicar conteúdo de qualidade só por causa dos links. Para uma empresa manter um blog é uma ótima maneira de estar em contato com seu público, e isso não tem preço. Foque em manter diálogo com seu público e os links, cedo ou tarde, aparecerão.

2. Prospecção de links

Vocês sabem como a maioria das matérias citando empresas em pequenos, médios e grandes jornais é feita?

Da seguinte maneira: um jornalista representando a empresa X liga para um conhecido ou colega de profissão, que escreve para o jornal Y, e apresenta uma sugestão de pauta na qual sorrateiramente há menção ao seu cliente. O editor do jornal Y então retruca: “por que eu deveria fazer menção à empresa X?” Irá responder “Por causa de A, de B e de C”. O jornalista que trabalha para a empresa X apresenta argumentos, geralmente explicando que a empresa é líder de segmento e a opinião de tal pessoa daria credibilidade à matéria.

Lembre-se, pois, do ponto do início desse post e confira a semelhança entre o jornalista (assessor de imprensa) e o link builder: se houvesse uma lista de jornais, não haveria por que existir o trabalho de assessoria de imprensa, bastaria enviar por um formulário de contato o conteúdo da matéria e a empresa estaria em ênfase. Isso, obviamente, não existe.

É por isso que eu gosto de comparar o trabalho de link building ao de assessoria de imprensa.

10 dicas fáceis para conseguir links

Em menor ou maior grau, haverá uma intersecção entre o link natural e a prospecção. Seguem algumas dicas para conseguir bons links e de uma maneira relativamente fácil:

1. Guest blog: converse com blogueiros de sua área e ofereça-se a fazer guest blogs e, já que o artigo é seu, você poderá colocar o link que quiser. Cabe a ele publicar ou não.

2. Ofereça conteúdo grátis: uma boa ideia pode ser entrar em contato com proprietários de sites (não blogs) que mantenham seção de notícias e oferecer artigos gratuitos para eles. Procure oferecer conteúdo único.

3. Fóruns: encontre fóruns onde o link seja nofollow e acompanhe a postagem para conseguir fazer referência ao seu site, de maneira natural.

4. Widgets: Widgets são partes de seu site que outros webmasters utilizarão nos sites deles. Por exemplo, a caixa de tweets do Twitter é um widget e ali há um link para o twitter.com (ah! então você não sabia que o Twitter fazia link building).

5. Banner de seu site: isso mesmo. Ofereça a opção de a pessoa copiar um código com o seu banner e colar no site dela. Muitas vezes funciona.

6. Agregadores de links: estão um pouco em baixa mas costumam valer links de qualidade. Na maior parte deles para tirar o nofollow, seu link precisa ganhar muitos votos para subir à home.

7. Listas de discussão: muitas listas de discussão mantêm arquivos na web e seus links têm nofollow.

8. Links quebrados: opa! essa maneira é genial. Fique navegando pela Internet e quando encontrar links quebrados, procure o webmaster e proponha seu site como solução. Não preciso nem dizer que seu site deve ser bom.

9. Google: pesquise no Google sites relacionados ao seu tema ou, melhor ainda, ao tema de seu artigo e proponha para ele um link explicando a relevância para o usuário dele.

10. Produtos interessantes: crie um produto que as pessoas gostam de falar, escreva um e-book que as pessoas gostariam de compartilhar.

Essa lista poderia continuar ad infinitum. O importante é que, para conseguir bons links, você obviamente precisará usar sua criatividade. Se não tiver, contrate ou peça ajuda para quem tem :)

Conclusão

Fiz este artigo pensando em pessoas iniciantes na arte de SEO e sua dificuldade em conseguir bons links. Foi um artigo um pouco teórico pois é preciso quebrar alguns mitos sobre links fáceis, explicar os quês e os porquês. De todo modo, ao final do artigo apresentei 10 maneiras de conseguir bons links que considero razoáveis de se tentar.

Quer conseguir bons links? Vai ter que penar. Mas eles valerão a pena.

A Conversion na mídia
Rede Globo de Televisão SBT Rede Record TV Bandeirantes Portal do UOL Yahoo Notícias Diário do Comércio e Indústria
Voltar ao Topo
fechar

Solicite Orçamento