Veja checklist de 9 pontos para fazer uma auditoria de SEO em seu site

Lucas Amaral
Lucas Amaral

Acompanhamento constante é necessário para garantir boa performance de páginas e corrigir problemas

A auditoria de SEO é um processo essencial para analisar e melhorar as páginas de um site. 

É o que dá início às atividades de otimização, identificando erros e problemas e permitindo a priorização de ações para melhorias. 

O SEO é uma área complexa. São muitas as atividades que envolvem problemas técnicos, ações on-page e esforços para a conquista de backlinks

Por isso, uma avaliação geral é necessária, garantindo um ponto de partida para ajustes estratégicos, que vão da simples implementação de tags a mudanças estruturais drásticas. 

Se você quer saber como fazer uma auditoria de SEO e reconhecer tudo o que é necessário para levar o seu site ao topo dos mecanismos de busca, chegou ao lugar certo. Neste artigo, veja um passo a passo de como realizar esse processo.

O que é uma auditoria de SEO?

A auditoria de SEO é um processo realizado em um site e todos os componentes deste que influenciam a otimização para motores de pesquisa. É por meio dessa análise que são tomadas decisões de planejamento para melhorias no ranqueamento de páginas. 

Ou seja, é um procedimento que permite encontrar erros e oportunidades de aprimoramento para melhorar o posicionamento nos resultados das buscas. Em outras palavras, um check-up. 

Uma auditoria de SEO pode ser holística, observando todos os problemas em todas as páginas e vertentes da otimização. Mas também pode ser feita em ciclos que observam, separadamente, itens relacionados a: 

  • Conteúdo: content pruning, atualização, otimização de tópicos, enriquecimento com imagens, adição de informações, extensão, adequação de linguagem, troca de CTA, escaneabilidade, leiturabilidade, qualidade do conteúdo e outros; 
  • SEO técnico: velocidade de carregamento, redirecionamentos, páginas canônicas, páginas inexistentes, protocolos de segurança, indexação, links quebrados, links internos, arquitetura do site, sitemap, dados estruturados, robots.txt, hospedagem, mobile friendliness, experiência do usuário e outros;
  • SEO on-page: meta tags, título, subtítulos, SEO title, palavras-chave, alt text, tags HTML, otimização de imagens, texto-âncora, URL, meta descrição e outros; 
  • SEO off-page: backlinks, links tóxicos, SEO local, links no-follow e outros.

Além disso, uma auditoria completa pode levar em consideração concorrentes e benchmarks, por exemplo. 

Como funciona uma auditoria de SEO?

Antes de mais nada, é preciso frisar que existem diversas ferramentas que automatizam o processo de auditoria de SEO, como Google Search Console, Screaming Frog, GTmetrics, SEMrush, Moz, Ahrefs, Google PageSpeed Insights e OnCrawl. 

Cada uma delas possui vantagens, desvantagens, funcionalidades, prioridades e níveis de profundidade da análise em cada uma das áreas do SEO. Além, é claro, de diferentes preços para utilização. 

Para sites grandes, é praticamente impossível realizar uma auditoria sem o auxílio dessas plataformas, pois cada página e linha de código teria que ser revista manualmente.

Checklist de auditoria de SEO

Por mais que se faça o monitoramento constante das páginas de um site, sempre existem melhorias que precisam ser realizadas. A razão para tal é que os algoritmos dos buscadores são atualizados com frequência, modificando as diretrizes e as melhores práticas da área. 

Uma avaliação 360º pode levar em consideração uma série de outros itens, como links em redes sociais, layout e cores, entre outros componentes. Os tópicos descritos abaixo cobrem a maior parte das áreas básicas do SEO que devem ser analisadas durante uma auditoria. 

Indexação

Algumas vezes, o Google pode ter dificuldades em indexar algumas páginas de sites. Isso significa que, mesmo que você publique-as, estas não aparecerão nos resultados de pesquisa. 

Por isso, é importante avaliar se esse tipo de problema ocorre no site e auxiliar o buscador durante o rastreamento, indicando quais páginas devem ser indexadas e quais devem ser ignoradas pelo mecanismo. 

Páginas órfãs

As páginas órfãs são aquelas para as quais não há nenhum link apontado, o que as tornam párias dentro do sistema de arquitetura do site. 

Em outras palavras, são inacessíveis ao usuário. Isso é muito comum quando certas páginas são apagadas ou oriundas de erros de codificação. Também podem levar a páginas de erros e a problemas de varredura por parte dos buscadores.

Simulação de rastreamento

Boa parte das ferramentas de SEO realizam uma simulação do rastreamento que será realizado pelo mecanismo ao identificar, indexar e elencar páginas nos resultados. 

Uma auditoria completa permite verificar uma série de erros, dos menores aos maiores, que prejudicam o processo de varredura de um site. 

Assim, apontam páginas com links quebrados, mal redirecionadas, com problemas de tagueamento e outras barreiras técnicas. 

Qualidade do conteúdo

Em muitas ocasiões, uma página pode não aparecer em boas posições no Google ou ser superada por concorrentes por falta de qualidade no conteúdo. 

Isso ocorre quando ela não é útil para o usuário, o que pode representar baixa qualidade de informações, erros ortográficos, mal uso dos recursos textuais, conteúdo obsoleto, ausência de coesão e coerência, uso abusivo da palavra-chave, tamanho do texto, entre outras falhas. 

Quando esse tipo de problema é detectado, é válido realizar uma reestruturação ou reescrita completa do artigo, visando proporcionar uma experiência superior para o usuário. 

Responsividade

Um website deve proporcionar uma boa experiência para diferentes tamanhos e formatos de tela. Ou seja, um design responsivo. 

Existem, inclusive, sites com duas versões visuais e funcionalidades diferentes para potencializar ainda mais os ganhos em dispositivos móveis e desktops. 

Velocidade

A velocidade do carregamento de páginas é mais um elemento que interfere no posicionamento nos resultados de busca. 

Existe uma infinidade de problemas que podem influenciar nesse quesito. Por isso, uma observação precisa se faz necessária para garantir uma boa performance para as mais diversas velocidades de conexão. 

Oportunidades de backlinks

Encontrar oportunidades de backlinks é uma forma de ser referenciado em páginas externas e elevar a autoridade de uma página no Google. 

Para melhorar nesse requisito, são utilizadas técnicas de relações públicas digitais e assessoria de imprensa. Além, é claro, da criação de conteúdo altamente relevante, digno de ser linkado em páginas de terceiros. 

Segurança

A segurança de sites está ligada aos protocolos que garantem ao usuário a navegação em um ambiente resguardado por criptografia. 

Garantir a confiabilidade é essencial tanto para mecanismos de busca quanto para os usuários que acessam as páginas. 

Identificação de keywords

A escolha equivocada de palavras-chave pode trazer um tráfego desqualificado ao site ou sequer atrair visitantes para as páginas

Assim, uma reavaliação dos termos prioritários se faz necessária, garantindo que a persona do negócio aterrisse nos locais desejados.

Como visto, a auditoria de SEO envolve uma série de tarefas complexas e que levam tempo. Por esse motivo, o ideal é contar com um parceiro para realizá-las, que seja capaz de traçar um plano estratégico e colocá-lo em prática.

Se você deseja contar com o serviço de uma agência líder no mercado, agende uma reunião com um de nossos consultores e veja o que a Conversion pode fazer pelo seu negócio. 

Escrito por Lucas Amaral

Escrito por Lucas Amaral

Escrito por Lucas Amaral

Escrito por Lucas Amaral

Compartilhe este conteúdo
Compartilhe
Receba o melhor conteúdo de SEO & Marketing em seu e-mail.
Assine nossa newsletter e fique informado sobre tudo o que acontece no mercado
Agende uma reunião e conte seus objetivos
Nossos consultores irão mostrar como levar sua estratégia digital ao próximo nível.